Powered by Rock Convert

Matricular o seu filho em um bom curso de inglês é o primeiro passo para colocá-lo em contato com o idioma e aprender a sua base e estruturas. Uma dica importante para dominar a língua é trazê-la para o seu cotidiano, trabalhando-a em diferentes situações. Por isso, estudar inglês fora da sala de aula é essencial para colocar seu aprendizado em prática e ganhar experiência.  

A maioria das escolas de inglês apresenta um vocabulário mais formal para os seus estudantes. Mas, ao complementar os estudos fora da instituição, o aluno pode descobrir novas expressões e ampliar o seu repertório de palavras. Sem falar que ele pode usar os recursos que mais prendem a sua atenção, incluindo desde músicas até as suas séries favoritas.

Confira abaixo dicas de como você pode ajudar o seu filho a estudar inglês fora da escola e aprimorar o seu processo de aprendizagem!

Ouvir músicas em inglês

Ao ouvir música para estudar inglês é possível desenvolver o listening, reading, speaking e writing, ou seja, as capacidades de ouvir, ler, falar e escrever respectivamente – que são as principais habilidades para se tornar fluente. As canções também são ótimas para ajudar a memorizar expressões usadas no dia a dia dos falantes nativos.

O seu filho pode começar repetindo os versos de uma música em inglês, mesmo sem cantar, ele estará trabalhando a sua fluência. Em seguida, é indicado ler a letra para conhecer novas expressões e aperfeiçoar a leitura no idioma. O ideal é ler em voz alta para reforçar a memorização das palavras.

Para melhorar a escrita, recomenda-se copiar as letras das canções em um caderno. Essa dica parece boba, mas é muito eficaz. Durante a cópia de um texto é normal acabarmos errando em alguns trechos. Porém, com a prática frequente, a escrita tende a evoluir bastante.

No início da aprendizagem da língua é difícil compreender tudo que uma música está dizendo. No entanto, se o estudante traduzir a letra, vai entender a mensagem transmitida pelo cantor e aprender a fazer interpretações. Aliás, interpretar é uma habilidade essencial nos estudos de inglês, uma vez que nem sempre as frases fazem sentido quando são traduzidas ao pé da letra, logo é necessário dar um sentido ao que não faz sentido.

Assistir filmes e séries sem legendas para estudar inglês

Sentar para assistir filmes e séries em inglês e sem legendas pode ajudar o seu filho a avançar nos seus estudos. Antes de qualquer coisa, é preciso escolher um filme ou série da sua preferência, assim fica mais fácil de manter o foco até o final – é necessário estar ciente de que nem tudo será entendido de primeira. Por isso, para quem sabe pouco da língua, é aconselhável começar assistindo com legendas em português.

O segundo passo consiste em assistir o mesmo episódio da série ou filme com o áudio e as legendas em inglês. A partir daí, o cérebro passa a atribuir significados para as cenas, pois ele já viu aquela história e faz conexões com as palavras ouvidas, permitindo a compreensão e interpretação das mesmas.

Por fim, é indicado assistir mais uma vez, apenas com o áudio em inglês, sem legendas. Ao fazer isso pela terceira vez, o cérebro terá muito mais facilidade para conectar o que está sendo ouvido com as expressões que foram assimiladas anteriormente e os seus respectivos significados.

Ler livro de literatura no idioma original

A leitura é uma das melhores ferramentas para aumentar o vocabulário em inglês. Para quem ainda está no nível básico, indica-se ler textos curtos ou histórias em quadrinhos, que possuem uma linguagem mais simples.

Para as crianças, pode-se fazer a leitura de livros infantis e com temas que prendem a sua atenção. Outra dica eficiente é apresentar para elas versões em inglês de obras que já foram lidas em português. Dessa forma, elas já estão ambientadas com a história e terão mais facilidade para reconhecer o que está sendo contado.

Além disso, durante a leitura, o aluno pode anotar aquelas palavras que não compreendeu para posteriormente procurar o significado no dicionário. Assim, ao passar para outro livro, ele já saberá o que aquela expressão significa.

Usar aplicativos educativos

Os smartphones e tablets fazem parte do cotidiano das crianças e adolescentes da atualidade. Mais do que fontes de entretenimento, esses aparelhos também pode ser usados para otimizar o conhecimento na língua inglesa. Há diversos aplicativos educativos que ensinam inglês em diferentes níveis de aprendizagem.

Uma opção interessante é o ‘’Pili Pop’’, um app voltado para as crianças de 6 a 10 anos de idade e que ensina o idioma de maneira simples, divertida e envolvente. A plataforma tem como finalidade melhorar o inglês falado por meio do reconhecimento de voz, aprimorar o vocabulário e a gramática a partir de dezenas de jogos diferentes e ambientados com uma perspectiva multicultural.

Acessar jogos em inglês

Os jogos também são comuns entre as crianças e podem ser bons aliados na hora de aprender inglês, uma vez que possuem o menu e as instruções nessa língua. A vantagem desse recurso é possibilitar que o estudante aprenda o idioma enquanto está se divertindo, o que se torna algo natural e prazeroso e tira aquela pressão de estar sendo obrigado a estudar.

A série Pokémon, por exemplo, possui alguns dos melhores jogos para aumentar os conhecimentos em inglês. A franquia tem uma enorme quantidade de textos e descrições na língua inglesa, de baixa e média complexidade. Ao acessar esses games, o jogador se familiariza com os termos e poderá reconhecê-los com maior facilidade quando encontrá-los em outras fontes.

Como se vê, há diversas maneiras de estudar inglês fora da sala de aula e complementar o processo de aprendizagem iniciado na escola. Para obter bons resultados é preciso escolher um método apropriado ao perfil da criança, que a permita aprender enquanto se diverte e desperte a sua vontade de conhecer cada vez mais o idioma.

Quer bons livros para o seu filho ler em inglês? Conheça 6 livros para aprender inglês com facilidade!

Powered by Rock Convert